PUBLICIDADE
Estalos, zumbidos e dores de cabeça são sinais da disfunção da ATM; entenda
21/09/2017 - 9h33 em Colunas

O movimento de abrir e fechar a boca é uma das ações mais rotineiras de nossas vidas. Fazemos isso o tempo todo, para falar, comer e, às vezes, até mesmo para respirar. Mas se esse gesto tão simples se torna doloroso, pode ser um sinal da disfunção da ATM, uma articulação temporomandibular que controla o movimento da mandíbula e liga o maxilar ao crânio.

Quando isso acontece, podem ocorrer diversos problemas na hora de falar e se alimentar, como dores, estalos e até deslocamento da mandíbula. Nesses casos, o mais indicado é buscar um tratamento, que é feito na cadeira do dentista. Porém, não se pode esperar muito para procurar ajuda, já que os sintomas das disfunções da ATM tendem a se agravar conforme o passar do tempo.

A dor é o sintoma mais comum quando essa articulação é atingida, e, em algumas situações, ela pode até se expandir para o pescoço. O incômodo pode vir do bruxismo, ou apertamento dental devido ao desgaste muscular provocado pelo movimento repetitivo.

O travamento do maxilar ou estalos também têm relação com a disfunção. Esses sintomas geralmente ocorrem por uma mastigação desequilibrada, pois o paciente com dor acaba mastigando com dificuldade e em diversos locais da boca, ocorrendo um desgaste ou deslocamento do disco ou cartilagem da articulação temporomandibula.

Muitas vezes pode ocorrer um inchaço no rosto ou aumento da musculatura que envolve a lateral da mandíbula e as bochechas, podendo deixar o rosto com um formado mais quadrado devido ao esforço muscular se refletindo no ouvido.

Causas

As disfunções dessa articulação podem ter diversas causas, entre elas, fatores emocionais, como estresse, tensão e ansiedade, ou até mesmo por questões físicas, como alguma batida, deslocamento ou algum hábito errado, tais quais roer as unhas ou usar um lado do maxilar mais do que o outro. Este último exemplo sendo provocado pelo uso em excesso do músculo, causado por problemas de desalinhamento dos dentes superiores e inferiores, dentes ausentes, ou distúrbios do sono.

Tratamento

As medidas para reverter a situação variam conforme o problema. Existem muitas técnicas modernas, como a aplicação de toxina botulínica quando há problemas musculares, as placas de acetado em casos como o bruxismo, ou a cirurgia, usada em último caso, quando há deslocamento do disco ou necessidade de lubrificação.

Porém, para saber qual é o tratamento mais adequado, o ideal é procurar um dentista o quanto antes que possa indicar qual será o procedimento indicado para cada caso de disfunção da ATM.

Fonte: Saúde - iG @ http://saude.ig.com.br/colunas/bruno-puglisi-odontologia/2017-08-25/atm-disfuncao-mandibula.html

COMENTÁRIOS